Seja como for, seja o que quiser e VIVA!

`

Sobre como as coisas são estranhas, num certo dia elas estão em outras horas elas desaparecem ou mesmo somem por dias, horas, minutos.... Saber até quando as coisas ainda estarão contigo é algo incompreensível e impossível. Isso também pode ser valido as lembranças, momentos passageiros e jamais inesquecíveis. validos aos amores de verão, aos relacionamentos, as amizades, ao ódio ... a qualquer coisa da vida até mesmo ela!
Depois disso tudo sobra a saudade, palavra sem tradução a qualquer outra língua, mas capaz de descrever o que sentimos quando sentimos falta de algo muito bom e até mesmo, ruins como momentos/lembranças tristes. Porém existe uma diferença entre a saudade e ao arrependimento, algo terrível, arrependimento é lamentável, por simplesmente ficarmos nos lamentando por coisas que não fizemos por não saber dos acontecimentos ou mesmo por não ter a coragem de dizer coisas importantes, tais como um 'eu a amo' ou ' me desculpa' ou gestos não feitos como dar um abraço nos pais .... um beijo de despedida, ou mesmo um ' fica perto de mim, preciso de você' e logo em seguida um abraço, um beijo, são coisas assim que deixam marca por simplesmente não ter coragem de ir lá fazer por talvez um orgulho besta ou uma vergonha incabida.
Por tudo e com tudo aproveite cada momento, como este fosse o ultimo da sua vida ou da vida do outro... e não deixe de fazer as coisas por medo, as pessoas vão te julgar assim como as pessoas julgam elas, então toda vez que tiver com medo fale pra si mesmo: 'FODA-SE EU ESTOU VIVA, AQUI, PRA VIVER PRA MIM, NÃO PRA VIVER PARA OS OUTROS' e faça aquilo que acredita ser o correto.


0

0 comentários:

Postar um comentário

Image Map